Add aos favoritos

Adicione aos Favoritos Adicione aos Favoritos

tradutor online

.

Atitude é Tudo

Seja mais humano e agradável com as pessoas.
Cada uma das pessoas com quem você convive está travando algum tipo de batalha.
Ame generosamente...
Cuide-se intensamente...
Fale com gentileza...
E, principalmente, não reclame.
Deixe o restante com Deus.

Textos mais lidos

Toda vez que toca o telefone Eu penso que é você Toda noite de insônia Eu penso em te escrever Pra dizer Que o teu silêncio me agride E não me agrada ser Um calendário do ano passado Prá dizer que teu crime me cansa E não compensa entrar na dança Depois que a música parou. Toda vez que toca o telefone Eu penso que é você Toda noite de insônia Eu penso em te escrever Escrever uma carta definitiva Que não dê alternativa Prá quem lê te chamar de carta fora do baralho Descartar, embaralhar você E fazer você voltar...
Ao tempo em que nada Nos dividia Havia motivo pra tudo E tudo era motivo pra mais.
Era perfeita a simetria Eramos duas metades iguais. O teu maior defeito Talvez seja a perfeição Tuas virtudes Talvez não tenham solução. Então pegue o telefone Ou um avião Deixe de lado Os compromissos marcados Perdoa o que puder ser perdoado Esqueçe o que não tiver perdão E vamos Voltar aquele lugar.Vamos voltar

Vamos voltar Ao tempo em que nada Nos dividia Havia motivo pra tudo
E tudo era motivo pra mais Era perfeita simetria

Engenheiros do hawaii

De repente deu-me vontade de um abraço.
Uma vontade de proximidade
de amizade, sei lá

Talvez um aconchego que enfatize a vida
e amenize as dores
Que fale sobre os amores,
Que seja teimoso, e ao mesmo tempo forte.

Deu vontade de poder rever
saudade de um abraço.
Um abraço que eternize o tempo
e preencha todo o espaço,
mas que me faça lembrar do carinho,
que surge devagarinho
da magia da união dos corpos,
das auras, sei lá

Lembrar do calor das mãos
acariciando as costas a dizer
"estou aqui."
Lembrar do trançar dos braços
envolventes e seguros afirmando
"estou contigo"
Lembrar da transfusão de forças
com a suavidade do momento... sei lá

abraço... abraço... abraço...
abraço... abraço... abraço...
abraço... abraço... abraço...

O que importa é a magia deste abraço!
A fusão de energia que harmoniza,
integra tudo, e que se traduz no cosmo, no tempo e no espaço.
Só sei que agora me deu vontade desse abraço!
Que afaste toda e qualquer angústia.
Que desperte a lágrima da alegria,
e acalme o coração
Que traduza a amizade,
o amor e a emoção.
E para um abraço assim
só pude pensar em ti
nessa tua energia,
nessa tua sensibilidade
que sabe entender o porquê
desta vontade desse abraço.


(Vinícius de Moraes)


Uma casa nem sempre é um lar.
Um lar nem sempre é uma casa.
Enxergar não é o mesmo que ver.
Dizer não é o mesmo que falar.
Ouvir não é o mesmo que escutar.
Tocar não é o mesmo que sentir.
Chorar nem sempre é se emocionar.
Sorrir nem sempre é sinal de alegria.
Traços bem demarcados nem sempre refletem beleza.
Palavras não são apenas sons pronunciados ou escritos.
Bons escritos nem sempre são realmente bons.
Alto grau de instrução nem sempre implica educação.
Carência econômica nem sempre significa pobreza.
Palavras doces às vezes amargas.
Palavras duras às vezes são necessárias e podem doer mais que tapas.
Boas capas enganam sobre o conteúdo de muitos livros.
O que se diz nem sempre é o que se sente.
Emoções fortes são perigosas, melhor deixá-las passar para então agir.
Refletir antes de agir é um ato de sabedoria.
Recuar nem sempre significa medo ou covardia.
Calar muitas vezes não significa humilhação, mas sabedoria.

Às vezes nos deixamos confundir por estas e outras diferenças que se apresentam na vida e acabamos por nos enganar. Aparências enganam e isto não é novidade. Mas se já sabemos disso porque continuamos a agir tantas vezes como se não soubéssemos? A vida é uma escola e como diz o poeta “... é o dever que nós trouxemos para fazer em casa. Quando se vê, já são seis horas, quando se vê é sexta-feira, quando se vê já terminou o ano”... E nós o que fizemos? Não dá pra passar a vida a limpo, por isso, façamos o melhor deste inefável presente que Deus nos concedeu: a vida. Não desperdicemos o tempo que não volta e que não para. Faça sempre o melhor e não se deixe levar pelas aparências, pelas cascas.

Kelly cunha (Graduada e licenciada em filosofia e estudante de pedagogia da UFPB).

O homem não precisa de uma experiência mística para saber que o mundo é bom. Basta perceber as coisas belas e simples que existem à nossa volta: ver as gotas de chuva escorrendo pela vidraça, acordar de manhã e descobrir que o sol brilha, escutar alguém rindo. Agindo assim o mundo deixa de ser uma ameaça. Passamos a nos dar conta de que somos capazes de notar o milagre da vida e aceitamos a sensibilidade e o amor que existe em nossa alma. Se formos capazes de ver o que é belo é porque somos também belos já que o mundo é um espelho e devolve a cada homem o reflexo de seu próprio rosto.


Desconheço o autor

As pessoas são presentes! Algumas chegam com a embalagem bonita, outras em embalagem comum. Existem ainda aquelas que chegam com a embalagem machucada, às quais às vezes não damos o menor valor. Existem aquelas que chegam registradas: são presentes valiosos, pois não se pode perdê-los no caminho.

Porém, isso tudo é superficial: o presente não é a embalagem, mas o conteúdo. É com ele que aprendemos, crescemos. É ele que nós compartilhamos com os outros.

Você, eu e outras tantas pessoas: todos somos presentes umas para as outras. É no afrouxar dos nós que nos desembrulhamos pouco a pouco e vamos revelando o imenso presente: nós mesmos.

Depois de um dia de caminhada pela mata, mestre e discípulo retornavam ao casebre, seguindo por longa estrada. Ao passarem próximo a uma moita de samambaia, ouviram um gemido. Verificaram e descobriram um homem caído. Estava pálido e com uma grande mancha de sangue, próxima ao coração. Tinha sido ferido e já estava próximo da inconsciência. Com muita dificuldade, mestre e discípulo o carregaram para o casebre rústico, onde viviam.

Lá trataram do ferimento. Uma semana depois, já restabelecido, o homem contou que havia sido assaltado e que ao reagir fora ferido por uma faca. Disse também que conhecia seu agressor, e que não descansaria enquanto não se vingasse. Disposto a partir, o homem disse ao sábio: "Senhor, muito lhe agradeço por ter salvado a minha vida. Tenho que partir e levo comigo a gratidão por sua bondade. Vou ao encontro daquele que me atacou e vou fazer com que ele sinta a mesma dor que senti".

O mestre olhou fixo para o homem e disse: "Vá e faça o que deseja. Entretanto, devo informá-lo de que você me deve três mil moedas de ouro, como pagamento pelo tratamento que lhe fiz".

O homem ficou assustado e disse: "Senhor, é muito dinheiro. Sou um trabalhador e não tenho como lhe pagar esse valor"!

Com serenidade, tornou a falar o sábio: "Se não pode pagar pelo bem que recebeu com que direito quer cobrar o mal que lhe fizeram"?

O homem ficou confuso, e o mestre concluiu: "Antes de cobrar alguma coisa, procure saber quanto você deve. Não faça cobrança pelas coisas ruins que aconteçam em sua vida, pois a vida pode lhe cobrar tudo de bom que lhe ofereceu".

Desconheço o autor

Quando meu velho amigo se foi desta vida
é que eu tentei entender porque ele vivia
totalmente enclausurado na matéria...
Creio que é disso que tratam certos filósofos,
quando usam a palavra imanência...
De fato, o meu amigo vivia seu mundo assim,
mergulhado na vida biológica.
Nunca questionava a história,
nem cuidava de genealogias...
Nunca lhe perguntei sobre Deus,
mas, creio que poderia ter sido agnóstico.

Aparentemente não tinha outra preocupação,
a não ser com o que comer ou beber...
(só bebia água, pois era naturalmente abstêmio)

"Não é a vida maior do que o corpo"...

Flanava pelas ruas, durante o dia todo,
por pura vadiagem.

"Olhai as aves do céu, elas não ajuntam em celeiros"...

Embora fosse muito inteligente
Agia sempre por seu lado instintivo,
e metia-se em muitas brigas, por qualquer motivo fútil,
mas, na verdade, tinha muito boa índole.
Meu amigo era um parceiro de todas as horas...
Sabia ser bom ouvinte, coisa rara
nesse mundo de pessoas ansiosas e verborrágicas...
e me ouvia calado, pachorrentamente, sem nunca questionar
essas minhas perfunctórias questões metafísicas...
Não se empolgava pelas analogias mais recentes: como as das gramíneas deleuzeanas.
Nem mesmo pelas gnosiologias seculares: como as da árvore da vida de Moshe de Leon...

Apesar de nos entendermos bem, só discordávamos quanto aos felinos.
Ele não suportava gatos.
Nisso nós éramos diferentes.
Mas essa era uma divergência de pouca monta,
pois, no fundo, ele tinha um enorme coração...
Era feito uma criança, o meu amigo.

Talvez seja esse o motivo da sua partida tão serena,
e em meio a uma velhice tão sossegada...
Na manhã em que ele partiu (lembro como se fosse hoje)
olhou-me fixamente.
Seus grandes olhos me pareceram mais úmidos do que sempre...
Aproximou-se do sofá em que eu lia os jornais
e, como de costume, deitou-se no chão atapetado.
Emitiu uns ininteligíveis fonemas guturais
e, de mansinho, cerrou as suas pálpebras... para sempre...
Morreu em paz e sem pecado.

Rex, era o seu nome.
Era verdadeiramente um rei, o meu melhor amigo...



Fonte da imagem:
http://br.olhares.com/melhor_amigo_do_homem_foto2558604.html
Foto de Paula Carolina Mariano Carvalho

Desconheço o autor

Amizade = Dedicação.
Uma definição exata do que é ser amigo, não é simplesmente dizer sou seu amigo, mas é preciso se dedicar a isso…
Mas o que é dedicação?
• afecto profundo; espírito de sacrifício; dedicatória.
Ha muitas pessoas que pensam que amizade é apenas nas palavras, mas o amigo precisa de mais, precisa de carinho, atenção, amor, gestos concretos e principalmente DEDICAÇÃO, precisa de sacrifícios.
Nesse mundo em que estamos vivendo as pessoas precisam cada vez mais de um amigo verdadeiro aquele que você pode contar a qualquer hora do dia ou da noite, o verdadeiro amigo é aquele que ama tanto que quer ver a felicidade do outro mesmo que isso custe seu sofrimento,lágrimas… mas ai está o sacrifício verdadeiro da amizade a dor por amor.
Assim como diz uma musica não espere a perfeição do seu amigo, mas sim o amor que ele tem para te dar, muitas vezes você precisa daquele colo amigo para poder desabafa, para gritar, para chorar, e muitas vezes para calar, e é o amor de amigo que vai te acalmar, porque é através dele que o próprio Deus te abraça, te ama, é no próprio colo de Deus que estamos.
O amigo nos da força, ânimo, alegria para poder seguir aquilo que Deus quer de nós, eles são os anjos que Deus coloca ao nosso lado para que não percamos a fé a alegria de ser de Deus e de lutar para ser melhor, o amigo está sempre do seu lado quando você precisa de uma mão para te levantar e te colocar novamente no caminho certo, o amigo não tem medo de ser verdadeiro e de dizer tudo o que o amigo precisa ouvir mesmo que isso faça chorar, mesmo que machuque.
Uma amizade quando é verdadeira ela dura eternamente mesmo que os amigos tenham se cansado, mesmo que as forças tenham se esgotado, a amizade que vem de Deus é eterna.

“Cultivar um verdadeiro amigo requer dedicação e tempo”
Se dedique ao seu amigo, principalmente dedique o seu amor aquele que Deus te deu como AMIGO como anjo.
Deus abençoe as amizades


Desconheço o autor

Era uma vez um velho homem que vendia balões numa quermesse.

Evidentemente, o homem era um bom vendedor, pois deixou um balão vermelho soltar-se e elevar-se nos ares, atraindo, desse modo, uma multidão de jovens compradores de balões.

Havia ali perto um menino negro.

Estava observando o vendedor e, é claro apreciando os balões.

Depois de ter soltado o balão vermelho, o homem soltou um azul, depois um amarelo e finalmente um branco.

Todos foram subindo até sumirem de vista.

O menino, de olhar atento, seguia a cada um.

Ficava imaginando mil coisas...

Uma coisa o aborrecia, o homem não soltava o balão preto.

Então aproximou-se do vendedor e lhe perguntou:

- Moço, se o senhor soltasse o balão preto, ele subiria tanto quanto os outros?

O vendedor de balões sorriu compreensivamente para o menino, arrebentou a linha que prendia o balão preto e enquanto ele se elevava nos ares disse:

- Não é a cor, filho, é o que está dentro dele que o faz subir.

Vencer os outros
não chega a ser
uma grande vitória.
Vitorioso
é aquele que consegue
vencer a si mesmo
combatendo seus vícios
e controlando suas paixões.
A vitória sobre nós mesmos
é muito mais difícil.
Ela requer mais coragem
mais disciplina e mais decisão.
Se você
não conseguir na primeira vez
tente de novo.
O simples fato de tentar de novo
já será sua primeira vitória.


Desconheço o autor

Related Posts with Thumbnails

Cadastre seu email e receba nossas mensagens

Nosso Banner



copie e cole no seu site

Nossos parceiros

BannerFans.com" BannerFans.com"

Prensentes

Prensentes
Presente recebido da amiga Simone do blog http://vidadarata.blogspot.com/

Vídeos motivacionais

Total de acessos

BlogBlogs.Com.Br